Tratamento de esgoto: como ele funciona em uma cidade

O tratamento de esgoto é uma forma de acelerar o processo de tratamento e purificação da água antes que ela seja reutilizada ou devolvida para o meio ambiente.

Geralmente a origem da poluição da água vem do esgoto de comércios, indústrias e residências que são lançados na rede pluvial sem tratamento e desembocam em rios e praias.

Como funciona o tratamento de esgoto na cidade

Todos os dias nós realizamos as tarefas mais simples do dia a dia como escovar os dentes, tomar banho, lavar louças, usar a descarga e entre outras coisas. Com isso, milhões de litros de água suja ou contaminada vão parar na rede pluvial e acabam poluindo o meio ambiente, se não receberem o devido tratamento.

O esgoto da cidade que muitas vezes não recebe o tratamento adequado é o principal responsável pela contaminação das águas dos rios e do meio ambiente. Como prova disso, disponibilizamos um artigo com os dados mais recentes fornecidos pelo governo que demonstram que apenas 45% do esgoto brasileiro é tratado.

Por isso, é importante que toda cidade tenha um sistema de saneamento básico, que além de ser um direito do cidadão é importante para levar a água contaminada para as unidades de tratamento de esgoto.

Quando o esgoto não é tratado ou a cidade não possui sistema de tratamento, ele poderá chegar a algum córrego, riacho ou rio poluindo toda a região.

Como é feito o tratamento do esgoto

A Sigla (ETE) significa Estação de tratamento de esgoto, onde a água poluída passa por vários processos para ficar potável novamente. Geralmente cada empresa responsável por tratar da água e do esgoto possui um método diferente. Confira abaixo como é feito o tratamento do esgoto.

Tratamento preliminar

Essa primeira parte do tratamento consiste basicamente na retirada dos resíduos sólidos e alguns detritos que podem estar misturados na água, como areia e sujeira. Esse processo, além de limpar a água, previne que os resíduos sólidos não danifiquem o motor da estação.

ratos como consequencia do esgoto nao tratado

Dentro desse primeiro processo de tratamento existem três estágios que são:

Grade: esse processo funciona como um se fosse um filtro, possui um espaçamento de até 2,5 cm entre um fio e outro além de uma inclinação de 45 graus que serve para impedir a passagem dos objetos sólidos.

Caixa de areia: esse segundo estágio também funciona como um tipo de filtro, mas a sua função é não permitir que as partículas menores passem, permitindo apenas a passagem do líquido.

Calha Pashal: o último estágio funciona como uma espécie de funil, porém ele calcula a quantidade de água que é passada. Além disso, ele tem a função de ajudar a entrada da água nos próximos estágios.

Tratamento secundário

No processo de tratamento secundário a água do esgoto passa por alguns estágios que buscam a sua melhor qualidade, eliminando qualquer tipo de dejeto orgânico que possa estar misturado com a água. Esses estágios são:

Oxidação: nesse estágio acontece um processo químico onde qualquer tipo de matéria orgânica se transforma em inorgânica.

Decantador secundário: nesta segunda parte existe um processo de filtragem que é feita por gravidade, para que todo dejeto sólido fique armazenado no fundo do tanque.

Leito de secagem: nesta última etapa toda a água é evaporada e recuperada posteriormente através de um processo químico. O lodo que se formou dentro do decantador é levado pra um aterro sanitário.

Tratamento terciário

Aqui acontece a recuperação da água. Esse último processo de tratamento acontece em um tanque que possui várias tubulações onde a água é praticamente forçada a passar.

Dentro dessas tubulações a água recebe um tratamento com cloro em estado gasoso, logo após esse processo, a água está totalmente purificada e segue para um reservatório, onde fica armazenada até ser liberada para a reutilização ou vai para a natureza.

Como pode ser observado, o tratamento de esgoto é muito importante em uma cidade. Ele é um pouco complexo, mas é graças a esse tratamento que a água que consumimos é tratada e reutilizada. Quando uma cidade possui uma estação de tratamento de esgoto, as chances de poluição do meio ambiente diminuem bastante.

Porém, infelizmente nem todas as cidades brasileiras contam com saneamento básico para tratar da água poluída e o que vemos são muitos rios e praias contaminadas. Seja você um cidadão consciente. Sempre que precisar, chame uma desentupidora 24 horas em Curitiba para realizar a limpeza correta dos seus dejetos. Preserve o meio ambiente e não lance o esgoto da sua residência na rede pluvial.