Conheça 8 mascotes que ajudaram a popularizar as marcas

Os empresários que tem o desejo de transformar a sua empresa em marcas excelentes e bem reconhecidas, precisam contar com diversas estratégias de marketing. Confira aqui como algumas marcas conseguiram se tornar mais conhecidas com diferentes mascotes.

Muito mais presente do que você possa contar ou imaginar, pode ter certeza de que várias mascotes já passaram pela sua vida e ainda, pelo seu dia.

Quando falamos em mascotes, na maioria dos casos é possível que as pessoas se lembrem de um “bichinho de estimação” que representa um time, por exemplo.

E é mais ou menos por aí que funcionam os mascotes para empresas.

Confira nesse artigo que preparamos para você, o que é um mascote, como pode ser utilizado em uma estratégia de marketing e veja ainda, 8 exemplos práticos para isso.

O que é um mascote

O mascote pode ser um animal, personagem ou outros elementos que possam ser utilizados para remeter a imagem de uma marca e assim, fazer com que ela seja conhecida e associada pelo público.

De acordo com estudos já realizados por profissionais do segmento de publicidade e também, comportamento do consumidor, as pessoas tem mais facilidade em lembrar de uma imagem, do que do nome da marca que por vezes, pode inclusive ser mais difícil. Por isso, utilizar mascotes em sua estratégia de divulgação e marketing, quando bem realizada, pode trazer excelentes benefícios para você.  

Se você não sabe bem por onde começar, para conquistar os benefícios de utilizar mascotes em sua estratégia de marketing, o mais indicado é procurar uma empresa que seja especialista no assunto, para que os profissionais com experiência e conhecimento das ferramentas necessárias, consigam auxiliar no seu plano.

O contato com esses profissionais é de grande importância especialmente pelo fato de que, existem diversas modalidades e projetos que podem dar vida a um mascote como, por exemplo, as animações em 3D.  

Como utilizar mascotes em sua estratégia de marketing

Muito mais do que um bichinho fofinho e bonito, para falar pela sua marca e se conectar com o seu público, é preciso que o mascote consiga realmente representar a empresa.

É preciso traçar um perfil para o personagem, pensando inclusive em quais são as características que tal personagem teria e como, pode criar uma conexão com a marca para trazer elementos de identificação com o público.

Quando o mascote for criado, desenvolvido e estiver finalizado, é preciso também criar mecanismos para realizar a divulgação da imagem a empresa, que então estará atrelada à uma imagem.  

Um elemento de grande importância para que o mascote, sendo utilizada como marketing, consiga trazer bons resultados.

Para você ter algumas inspirações e saber por onde começar ou mesmo, qual o objetivo que deseja atingir com a criação de um mascote, vamos apresentar para você 8 mascotes que ajudaram a popularizar as marcas.

Tony The Tiger

Criado no ano de 1952 o personagem foi criado com o objetivo de auxiliar na promoção dos cereais Sucrilhos da marca Kellogg’s.

Ao passar do tempo algumas mudanças foram realizadas, para acompanhar os traços e elementos modernos que eram necessários, mas em todos os momentos teve uma excelente associação com a marca, sendo inclusive um personagem premiado com a campanha, no ano de 1964.

Cheetos

Outro personagem que também conseguiu chamar a atenção das crianças, foi o personagem da Cheetos.

Utilizado especialmente para ajudar a humanizar a marca, esse é um excelente exemplo de uma imagem que mesmo quando é vista sozinha, consegue remeter à marca a qual pertence.  

Ronald McDonald

Ronald McDonal mesmo que nos dias atuais não seja tão utilizado, como em tempos antigos, mas continua sendo um excelente exemplo de mascote, sendo facilmente lembrado e associado com a marca.  

Boneco da Michelin

Você percebe de longe quando um marketing está sendo bem feito.

O boneco da Michelin, é um desses exemplos afinal, você pode apenas ver um boneco branco e grande. Mas se tiver essas dobrinhas, você já sabe do que estamos falando.

Papai Noel da Coca-Cola

Sem dúvida você conhece a imagem do bom velhinho do Natal. O que muitos não sabem e até julgam ser mentira, é que essa foi uma imagem criada por uma marca.

Mas pode acreditar que isso é real. A imagem da Coca-Cola foi na verdade desenhada e divulgada sempre em associação com a marca, trazendo a magia do Natal.  

Bunny Duracell

As pilhas Duracell na maioria dos seus comerciais e também, nas embalagens utiliza o coelho rosa, para mostrar como as suas pilhas duram muito mais.

Desde o ano de 1973 o mascote é utilizado, ajudando a marca a se consolidar no mercado.

Sadia

Criado na década de 70 por um publicitário da DPZ, o mais conhecido lequetreque, mascote da marca Sadia, sempre recebe algumas modificações, ajudando a ficar ainda mais bonito e claro, mais carismático com o público.

Assolino

Com a cara da embalagem que representava da marca Assolan,  conseguiu conquistar o público e seu espaço no mercado, utilizando o assolino, para aumentar as vendas de esponjas de aço.

Depois de conhecer esses ótimos exemplos de mascotes, fica até mais fácil para você se inspirar e também, fazer para a sua empresa um mascote 3D.